Signo e desterro : Sérgio Buarque de Holanda e a imaginação do Brasil | Pedro Meira Monteiro

 

Trata-se de uma reflexão sobre a importância de Sérgio Buarque de Holanda para a imaginação do Brasil. Numa primeira parte, Raízes do Brasil é analisado tendo em vista as leituras que o marcaram, assim como os debates em que o autor se envolveu, da juventude modernista à consagração como historiador e crítico literário.

Numa segunda parte, discute-se a insuficiência do signo nacional e a poética do exílio e do deslocamento, de modo a ampliar, num paralelo com o discurso latino-americanista, a compreensão dos impasses da modernidade em sociedades de origem ibérica; ao colocar em suspenso tanto as soluções totalitárias quanto o liberalismo. Raízes do Brasil foi vincado pela ambivalência, produzindo incertezas e quase nunca apontando soluções. Na terceira e última parte, a matriz buarquiana é flagrada e analisada em discussões que, bastante posteriores a Raízes do Brasil, transformaram o cinema, a ficção e o ensaio em veículos de questões que já pulsavam na imaginação do Brasil de Sérgio Buarque de Holanda.

Descrição

Título: Signo e desterro: Sérgio Buarque de Holanda e a imaginação do Brasil
Autora: Pedro Meira Monteiro
ISBN: 9788584040377
Editora: Hucitec
Edição: 1ª Edição
Ano de publicação: 2015
Número de páginas: 284

Informação adicional

Peso 0.444 kg
Dimensões 14 × 21 × 1 cm