RACISMO, SUBJETIVIDADE E SAÚDE MENTAL: O pioneirismo negro | Emiliano de Camargo David, Rachel Gouveia Passos, Deivison Mendes Faustino, Jeane Saskya Campos Tavares (orgs.)

R$22,00

De forma inusitada, este livro possibilita reconstruir e alargar histórias do campo psicanalítico, da saúde mental e da luta antirracista. Ele inscreve uma história científica e política na qual a presença negra é fundadora, decisiva. Nesse sentido, as iniciativas de Juliano Moreira, Virgínia Bicudo, dona Ivone Lara,  Lélia Gonzalez, Neusa Santos, Diva Moreira, Sônia Barros e Maria Lúcia da Silva dão lastro para o que produzimos hoje. Como guardião e memória de parte da história negra, torna-se uma leitura permanentemente à disposição, na qual alinhavar histórias, entrever continuidades e convergências entre essas personalidades torna-se vital e vitalidade. Vitalidade porque possibilita aprendizado para todes. Para nós, pessoas negras, também promove conexão e potência de vida, por isso é ferramenta vital. Por tudo o que esses cruzamentos representam, deve ser lido o quanto antes.

Eliane Silvia Costa – Universidade Federal da Bahia

 

SUMÁRIO

CAPÍTULO 1, Racismo, Subjetivação e Saúde Mental: contribuições para a reforma psiquiátrica antimanicomial, Marco José de Oliveira Duarte
CAPÍTULO 2, Crítica à degenerescência racial e reforma psiquiátrica de Juliano Moreira, Ynaê Lopes dos Santos
CAPÍTULO 3, Contribuições de Virgínia Bicudo para o campo da saúde mental no Brasil: caminhos pela pesquisa, pela clínica e pela escola, Fabiana Villas Boas & Natália Parolin
CAPÍTULO 4, Encruzilhadas e entrelinhas: a atualidade do pensamento de Neusa Santos Souza, Suely Aires & Jeane Saskya Campos Tavares
CAPÍTULO 5, “Entre os sambas, os bambas e a loucura”: o discreto protagonismo de D. Ivone Lara da saúde mental, Rachel Gouveia Passos & Andressa da Silva de Moraes
CAPÍTULO 6, Amefricana: racismo, sexismo e subjetividade em Lélia Gonzalez, Míriam Cristiane Alves, Tadeu de Paula & José Damico
CAPÍTULO 7, Diva Moreira: trajetória contra a Repressão Social e o Controle na Saúde Mental brasileira, Emiliano de Camargo David
CAPÍTULO 8, As contribuições da professora Sônia Barros para efetivação do direito social à saúde: uma entrevista, Caroline Ballan & Luís Eduardo Batista
CAPÍTULO 9, Passos marcantes de Maria Lúcia da Silva pela psicologia, relações raciais e de gênero, Clélia Prestes & Deivison Faustino

 

 

ATENÇÃO: Este livro está na PRÉ-VENDA e estará disponível na editora para postagem a partir do dia 26 de novembro de 2021. Os pedidos serão processados, separados e postados após essa data.

 

*** CUPOM NÃO APLICÁVEL A ESTE PRODUTO ***

Simulação de frete


Descrição

 

 

Título: RACISMO, SUBJETIVIDADE E SAÚDE MENTAL: O pioneirismo negro

Organizadores: Emiliano de Camargo David , Rachel Gouveia Passos, Deivison  Mendes Faustino, Jeane Saskya Campos Tavares (orgs.)

ISBN: 9788584042388

Editora: Hucitec

Selo Diálogos da Diáspora

Data de publicação: 2021

Número de páginas: 165

Informação adicional

Peso 0.301 kg
Dimensões 21.0 × 14.0 × 2 cm

Você também pode gostar de…